Por que escolher WooCommerce para vender seus produtos?

Construído para WordPress. Ele permite uma integração perfeita com o WordPress e permite que você se conecte com milhões de usuários do WordPress.

Escalável com suas necessidades. Pequenos ou grandes, poucos ou muitos, WooCommerce atende suas necessidades.

Garante segurança. WooCommerce protege seus dados de cair nas mãos de qualquer plataforma de terceiros. Também assegura a transação entre o consumidor e você.

Auditado por Sucuri. Isso garante que o WooCommerce adere aos padrões de codificação e às melhores práticas do WordPress.

Uma vasta e crescente comunidade global. Existem mais de 350 colaboradores e mais de 1 milhão de instalações WooCommerce até esta data.

Bem documentado. WooCommerce fornece documentação abrangente e guias que cobrem uma ampla gama de tópicos como configuração, SSL, theming, snippets e similares.

Uma matriz de extensões gratuitas e pagas. O benefício mais definidor do WooCommerce é um grande número de extensões gratuitas e pagas. Eles permitem que você personalize seu WooCommerce com uma ampla gama de recursos e integrações.

Como as redes sociais influenciam um e-commerce

ecommerceSegundo pesquisas, cerca de trinta por cento dos brasileiros acessam ao menos uma vez ao dia as redes sociais para consultarem a relevância de marcas. O estudo ainda aponta que a existe a probabilidade de 36% do consumo de algum produto ou serviço partindo de algum desses internautas. Atualmente às redes sociais passaram a ter uma importância significativa como ferramenta de comunicação entre uma loja virtual e seus consumidores. A linguagem clara e assertiva ajuda a dar destaque à alguns pontos importantes em um comércio eletrônico.

– Um usuário de rede social pode compartilhar as postagens de uma fanpage ou seguidor, recomendando o consumo daquele produto ou serviço. Dessa maneira, gera uma melhor confiança das pessoas com a sua marca, além disso, o engajamento em redes social é parte do algoritmo dos principais buscadores, melhorando o posicionamento do e-commerce no ranking de busca.

– Ao se criar uma fanpage, os próprios administradores podem ter o controle das pessoas que seguem e curtem as suas postagens, assim a comunicação, divulgação de promoções, eventos e lançamentos de produtos se tornam mais assertivos, diretos e coerentes com o seu objetivo.

– Auxilia no trato da insatisfação que alguns clientes possam ter com um e-commerce. Desde problemas de entrega, até produtos defeituosos que poderiam ocasionar em uma imagem negativa para uma loja virtual.

– A velocidade em que a informação online é trocada, exige uma rápida resposta aos consumidores, o que acaba criando uma espécie de ‘serviço de atendimento ao cliente’, permitindo atender de forma mais transparente e ágil eventuais problemas que possam ocorrer, preservando a marca e até mesmo criando a possibilidade de reverter uma situação de crise.

As redes sociais não tem como principal característica gerar vendas, entretanto, uma comunicação bem pensada pode atuar de maneira decisiva durante um processo de compra. Segundo estudos, cerca de 63% dos brasileiros só compram alguma coisa após consultar as redes sociais, utilizando como métrica de avaliação a opinião de outros consumidores.

Logo a rede social atua de maneira eficaz durante o processo de branding (construção de marca), melhorando a presença online da marca, o que pode vir a ampliar as vendas, pois uma marca bem estruturada faz a diferença durante o momento de escolha do consumidor.